Quanto vale sua ideia?

Adiantando minha resposta: NADA. Imaginando sua réplica (estou influenciado por este período eleitoral): mas como assim, nada? Me esforcei tanto pensando nela!

Meu trabalho é dizer a empresários e investidores quanto valem suas empresas. Todo mundo gosta (e precisa) saber qual o valor intrínseco de seus negócios. Afinal, todas decisões, sejam rotineiras ou estratégicas, influenciam positiva ou negativamente o valor de uma companhia.

Mas identificar o valor econômico de um negócio já é uma trilha conhecida no mundo todo. Temos metodologias alinhadas com o que há de mais moderno em finanças corporativas no mundo. As principais metodologias buscam identificar o valor intrínseco de um negócio por meio da análise econômica de seus fluxos de caixa projetados. Ou seja, o quanto representa hoje os lucros futuros de uma companhia.

Porém, muitos investidores e empreendedores estão sendo desafiados a atribuir valor a negócios que ainda não são realidade e que ainda estão em fase de amadurecimento.

Enquanto esses negócios estão no mundo das ideias (inclui-se aí os powerpoints), a ideia em si economicamente não vale nada (por isso minha resposta inicial). O que vale de verdade é seu potencial de geração de lucros. Ou se quiserem ser mais específicos, sua capacidade de gerar fluxos de caixa positivos. Logo, se o objetivo é avaliar quanto vale uma ideia, deve-se na prática analisar sua verdadeira capacidade de geração de lucros futuros. Esse potencial da ideia, traduzida em um modelo de negócio (problema-solução, compra-venda, preço-custo-lucro, etc), só pode ser economicamente avaliado sob o ponto de vista de seus lucros potenciais futuros.

É um exercício de futurologia? Sem dúvida que sim. O passado ajuda? Claro, traz uma trilha já percorrida, mas não garante o futuro. O grande desafio é construir projeções realistas para um potencial presente. Quanto mais esse potencial revela traços do futuro possível, menos incerteza ele carrega e mais possível fica de prever seus resultados futuros.

Afinal quanto vale uma ideia? Seu valor varia de acordo com seu potencial de geração de lucros futuros. Esse futuro é incerto e precisa ser projetado da forma mais realista possível. Isso demanda muitos estudos e avaliações para visualizar o futuro de forma clara. Esse exercício carrega consigo um volume de riscos que precisam ser mensurados e avaliados, o que se refletirá nas taxas de desconto a serem definidas.

Como aprendiz de jardineiro aprendi que o futuro de uma planta pode ser imaginado de diferentes formas, mas seu verdadeiro futuro só o tempo dirá. Nos resta hoje estudar e avaliar todas as possibilidades, buscando prever suas formas, aromas e cores. Se você é empreendedor e tem uma ideia, avalie seus potenciais e estude com responsabilidade os futuros possíveis. Se você é investidor, treine sua capacidade de encontrar as mais belas plantas ainda antes de germinar.

design_ide

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s